JULIANA MARTINS NO MALAWI, ÁFRICA

JULIANA MARTINS NO MALAWI, ÁFRICA

Olá, meus amigos.

Dia 05/04 embarquei ao Malawi. Foram 19 dias de muito aprendizado, trabalho e alegria, muita alegria. Voltei com o coração apertado em pensar que só poderei estar lá novamente no próximo ano.

Atuamos mais uma vez junto ao vilarejo de Lulwe (localizado na divisa do Malawi e Moçambique) e iniciamos o contato com o vilarejo de Mitowe (localizado em Moçambique).

Trabalhamos em diversas frentes: implantação de poço em Mitowe, ampliação da horta e criação de pomar em Lulwe, como também em diversas ações voltadas para saúde e higiene pessoal. Ainda em Lulwe, assistimos o vilarejo com atendimento médico, doação de chinelos, mantas e mochilas. Deixamos recursos para que 150 crianças e adolescentes tenham acesso às suas certidões de nascimento, e também 70% de recursos para compra de material escolar e mensalidades das crianças que estudam na escola do Malawi.

Em fevereiro, o governo de Moçambique estabeleceu uma parceria com o vilarejo de Lulwe para atender a parte educacional das crianças que estão na idade escolar do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental. Como não havia no vilarejo nenhuma construção nos moldes escolares, e o governo só poderá investir numa construção para esse fim, a partir do momento que as crianças cheguem ao 5º ano, provisoriamente a escola ficará abrigada na única igreja do vilarejo. Sendo assim, disponibilizamos cadernos e canetas aos alunos que não tinham material escolar ou estava incompleto. Devido às fortes chuvas durante o período em que estávamos lá, vimos a fragilidade do telhado da igreja e levantamos recursos para a troca do mesmo, de maneira que em dias de chuva as aulas não sejam afetadas.

Pudemos também auxiliar na compra do telhado da casa do senhor Jamari, idoso e viúvo do vilarejo que, por conta das fortes chuvas de março, teve sua casa destruída.

Louvo a Deus pela vida e pela disponibilidade de todos que puderam nos ajudar. Sem a ajuda de parceiros, todas as ações acima descritas seriam impossíveis de serem realizadas. Ansiamos por um Lulwe, Mitowe, África, Brasil e planeta sem fome, em que seus habitantes tenham dignidade para viver. Muito obrigada a todos!

NOTÍCIAS DO POÇO EM MITOWE

A informação chegou no último domingo (09/06). Há alguns dias eu dizia: Vai ter poço em Mitowe (Moçambique). Sim, e esse sonho se tornou realidade. Mais um poço na África, mais vidas sendo transformadas. Nesse vilarejo, as mulheres andavam longas distâncias e dormiam nas filas para pegar água. Obrigada a você que tirou do seu para contribuir e permitir que pessoas que você nem conhece tenham o mínimo de dignidade. Louvo a Deus por sua vida. Obrigada, Deus, por me permitir viver isso. É só o começo. E vamos que vamos, há muito o que fazer. Amor em ação. Que o nosso amor ultrapasse as palavras e se transforme em ações.

Juliana Martins
(Juliana reside no Rio de Janeiro e faz parte da liderança do Ministério Entre Jovens)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *